Tags

,

Eu devia ter mais ou menos três ou quatro anos, estava sentada na sala da casa da minha tia Iara, brincando de Forte Apache com meu primo (poisé…!), quando na Seção da Tarde começou a passar um filme já antigo chamado “Quando as Metralhadoras cospem”.

Mesmo com esse título violento e contando a história de Gangsters de Nova York no ano de 1929, o filme me chamou a atenção por ter um elenco inteiramente de crianças… E foi nesse dia que eu assisti ao meu primeiro musical!

O engraçado é que olhando para trás, eu vejo que foi por estímulos como este, que eu acabei trilhando um caminho mais artístico. Os filmes da minha infância sempre foram recheados de fantasia, dança e trilhas sonoras que iam de Blues a Giuseppe Verdi…

Talvez muitos de vocês nunca tenham assistido a esse filme, mas para aqueles que hoje fazem Musicais e aqueles gostam de cinema, música e histórias de Mafiosos, esse é um clássico que eu recomendo. Trata-se de um musical escrito e dirigido pelo renomado Alan Parker e estrelado por ninguém menos que Jodie Foster, com apenas quatorze anos na época. É bem cômico e apesar da mensagem fofa no final, não é muito politicamente correto!

Além do roteiro e atuações perfeitas, as músicas são ótimas. De vez em quando lavando louça me pego cantando “My name is Tallulah” ou “Tomorrow” que para mim são as mais clássicas.

Bugsy Malone, 1976
Diretor: Alan Parker
Com Scott Baio e Jodie Foster

IMDB: tt0074256

São vários os motivos pelos quais você deve assistir a esse filme que nesta sexta feira faz 36 anos: 1-porque ele é um musical, 2-porque ele é uma comédia, 3-é de gangster, 4-tem a Jodie Foster e 5-porque ele é muito bom!!  Mas caso nenhum desses motivos seja o suficiente para você, assista ainda assim, pelo menos você terá uma chance de se desintoxicar, porque afinal de contas antigamente nossas novelas tinham a Cláudia Ohana cantando “Sympathy for de Devil” enquanto hoje escutamos o “Sei fazer um lê lê lê”!!!!!!!!!!!!!!!!

Bom dia!!

 Thais Mello

Anúncios