Tags

, , ,

Fernando Botero, famoso por retratar gordinhos

Fernando Botero, famoso por retratar gordinhos

Essa semana ao estrear “The Nutcracker” (O Quebra Nozes) do New York City Ballet, um crítico do The New York Times, entre outras críticas, acusou a bailarina principal do espetáculo, Jenifer Ringer, de estar muito acima do seu peso, insinuando que a Fada Açucarada havia comido muito açúcar!

O que dizer dessa crítica?

Desde meus doze anos que eu posso me considerar uma fofinha no mundo do balé, sempre ouvindo o quanto isso era ruim só não sabia exatamente do por que.

Modéstia a parte, mesmo não sendo um exemplar de esqueleto, eu sempre fui ágil, leve, flexível e consideravelmente boa. Durante os meus anos de estudo no balé, por melhor que fosse nunca ganhei um solo da minha diretora, pois ela me achava gordinha. Creio que talvez ela nunca tenha ouvido falar em meritocracia…

Hoje como professora de dança, eu tenho a consciência que algumas crianças extrapolam a fofura se tornando obesas, e só por uma questão de saúde e não estética imposta pela dança, que aconselho os pais para que tomem medidas necessárias.

Sei que nesse ponto muitas pessoas vão discordar de mim, mas não acho que a Dança deva ser limitada só a quem é extremamente magro, pois a dança é um movimento natural do ser humano. Sempre digo aos meus alunos que trabalho árduo, técnica e muita paixão transcendem qualquer barreira em um palco.

No mês passado, na apresentação de uma das escolas que trabalho, minha amiga e aluna Camila Castro dançou o solo de La Sylphide. Camila é uma das meninas mais bonitas já que tive o prazer de conhecer, mas assim como eu, não entra na categoria peso pena! Porém, não houve uma só pessoa que tenha saído do Teatro, que não tivesse ficado encantado com a sua leveza e interpretação.

Lembro-me também da primeira vez que vi Simone Gutierrez (Ariela na novela Cheias de Charme da Globo) no palco num trecho do que acredito ser o espetáculo “Ah se eu fosse Bob Fosse”. Ela não era só estupenda atuando e cantando, ela era perfeita dançando!!! Minha vida mudou muito depois de ter visto que era possível ser considerada boa e não ter anorexia ao mesmo tempo.

Camila e Simone deixam muitas bailarinas que conheço no chinelo e são só alguns exemplos de como a arte vai além do que é terreno.

Um livro não deve ser julgado pela capa… Não é esse o ditado?
Seja na Dança ou em qualquer outra Arte, sempre existe um espaço para aqueles que carregam luz na Alma!

Aqui vão alguns vídeos dos Chubbys mais carismáticos no mundo para inspirar essa quarta feira:

.

.

.

.

.

E o meu favorito

.

…Bom Dia!!!

Thais Mello

Anúncios